Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Alívio 02/08/2020 | 10h28

Sindicato de Gastronomia e Hotelaria diz que bandeira intermediária vai fortalecer o setor


Sindicato de Gastronomia e Hotelaria diz que bandeira intermediária vai fortalecer o setor
Foto: Divulgação

Após Decreto Municipal nº 21.091, que criou a bandeira intermediária, dentro do Modelo de Distanciamento Controlado do Governo gaúcho, estabelecimentos que estavam fechados voltaram a funcionar, como é o caso do setor gastronômico, que ao seguir a bandeira vermelha, onde a Serra Gaúcha está enquadrada pelo Modelo do Governo, não permitia o atendimento no local, apenas nos sistemas de pegue e leve e drive thru. Com as novas medidas implantadas desde sexta-feira (31), comércio, restaurantes, comércio atacadista, de rua e shoppings, escolas de idiomas, música, esportes, dança, formação profissional, entre outras e os parques temáticos, atrativos turísticos, museus e similares podem voltar a atender de forma presencial.

Essa medida aprovada durante reunião extraordinária dos municípios que formam a Associação de Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), fortalece o setor da gastronomia, como afirma o presidente do Sindicato Empresarial de Gastronomia e Hotelaria da Região Uva e Vinho Vicente Perini. Assim conforme ele, os restaurantes não ficam no abre e fecha e nem no desperdício, pois, muitas vezes, na expectativa que a bandeira permitisse a abertura os empresários compravam alimentos na sexta, que na semana seguinte precisam jogar fora.

Outro ponto que a bandeira intermediária favorece, conforme explica Perini, é os restaurantes que servem empresas. As pessoas não estavam recebendo essa alimentação e nem pegando comida nos estabelecimentos e isso estava causando ainda mais prejuízo.

A entidade ainda não contabilizou o prejuízo total nos setores de bares, restaurantes e hotéis.


Departamento de Jornalismo






Em breve
Nenhum jogo no momento.