Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Infraestrutura 14/01/2020 | 19h55

Senador cobra agilidade da Prefeitura na preparação do projeto do Aeroporto de Vila Oliva


Senador cobra agilidade da Prefeitura na preparação do projeto do Aeroporto de Vila Oliva
Foto: João Pedro Bressan/Prefeitura de Caxias/Divulgação

O senador Luis Carlos Heinze (PP), representantes do Executivo e do Legislativo de Caxias e da sociedade civil da Serra se encontraram para realinhar os trabalhos em prol do Aeroporto de Vila Oliva. A reunião ocorreu na tarde desta terça-feira (14), no salão nobre do Centro Administrativo. Nela, o progressista indicou tarefas que precisam ser feitas pela Prefeitura, ainda recordando das evoluções que o projeto teve até o momento. Entre os próximos passos está a confirmação da desapropriação dos últimos terrenos no local que deve sediar a obra. Além disso, há a necessidade de se conseguir a licença ambiental, a ser liberada pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Outros pontos são os projetos para a construção da estrutura viária no entorno e da própria instalação aeroportuária.

Luis Carlos Heinze destaca que o Município precisa licitar a formulação do planejamento da obra com urgência. Ele revela que a tarefa agora fica sob responsabilidade do vice-prefeito Elói Frizzo (PSB) e do secretário municipal de Planejamento, Paulo Dahmer, e pede agilidade da Prefeitura na resolução da questão.

O Município teria até fevereiro para dar encaminhamento da formulação do projeto do Aeroporto, segundo informações divulgadas na agenda desta terça. Caso o prazo não seja cumprido, a previsão é de que evoluções sobre o aeroporto poderiam voltar a acontecer somente após um ano. Outra consequência seria a necessidade de se firmar novo Termo de Compromisso com a Secretaria de Aviação Civil.

Na reunião ainda se pontuou que a construção da instalação e da infraestrutura deve demandar um valor de até R$ 250 milhões a mais do que a verba já prometida pelo Governo Federal. Heinze voltou a indicar a utilização do espaço do Aeroporto Hugo Cantergiani como ativo para negócios, e indicou que o caminho é buscar o montante com a iniciativa privada. A ideia é que se possam fazer uma série de parcerias público-privadas (PPPs) para a construção e administração das rodovias e do Aeroporto da Serra Gaúcha.


Departamento de Jornalismo






Em breve
Nenhum jogo no momento.