Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Investimento 26/01/2021 | 18h25

Prefeitura articula manutenção de aportes federais para a saúde pública de Caxias


Prefeitura articula manutenção de aportes federais para a saúde pública de Caxias
Foto: Divulgação/ Internet

Caxias do Sul pretende manter a ampliação da estrutura de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) que já obteve durante o enfrentamento da pandemia. Por isso, o procurador-geral, Adriano Tacca, e o procurador-geral adjunto do Município, Felipe Barreto Dal Piaz, foram à Brasília ainda na semana passada. No contato com o Ministério da Saúde, os representantes solicitaram a continuidade dos repasses federais para Caxias do Sul. A cidade recebeu cerca de R$ 60 milhões para custear o atendimento à população, o que permitiu um salto no número de leitos na rede hospitalar. Entretanto, ainda não foi emitida qualquer garantia de que a União vai seguir enviando verbas. De toda a forma, o Ministério recebeu e prometeu análise cuidadosa sobre o requerimento. O foco principal da Prefeitura é a manutenção da atual capacidade de atendimento para o restante da pandemia.

O prefeito de Caxias do Sul, Adiló Didomenico (PSDB), salienta a necessidade do investimento diante das dificuldades financeiras da municipalidade. Ele considera que há perspectiva de um bom avanço da campanha de imunização, mas atenta para as incertezas da mesma. O tucano reforça que Caxias precisa do apoio Federal para atender a demanda gerada pela pandemia. Didomenico promete que a admistração vai pressionar pelo aporte de Brasília, lembrando o caráter referencial da cidade.

Representantes do Executivo caxiense devem voltar à Capital do País na primeira semana de fevereiro para reforçar o pedido por verbas da União. Existe expectativa de que, se o custeio da Federação persistir, parte dele possa ser destinado às obras do Hospital Geral (HG). Para beneficiar este projeto, está em desenvolvimento na Associação dos Municípios da Encosta Superior Nordeste (Amesne) um projeto para captação de apoio. A ideia é que as cidades atendidas pelo HG repassem valores proporcionalmente ao número de habitantes.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.