Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Investigação 21/08/2019 | 13h27

Polícia Civil busca a identificação de terceiro integrante de quadrilha desarticulada em confronto com a Brigada


Polícia Civil busca a identificação de terceiro integrante de quadrilha desarticulada em confronto com a Brigada

A troca de tiros entre integrantes da Companhia de Operações Especiais (COE) e dois dos integrantes da quadrilha resultou na morte de dois criminosos. O fato aconteceu na localidade de Nossa Senhora da Rocca, em São Luiz da 6ª Légua, interior de Caxias, na tarde desta terça-feira (20).

Morreram no local Alexandro da Rosa, 31 anos, o "Santinho", e Luís Fernando Lopes Pires, 19. Eles já eram investigados como suspeitos de envolvimento em ao menos três casos de roubos a residências na cidade.

O delegado Rodrigo Kegler Duarte, responsável pela Delegacia de Homicídios (DPHPP) explica que no local do confronto ontem já surgiu o indicativo da participação da dupla nos últimos assaltos. Sobre a identificação de um terceiro integrante do bando, ele revela que esta situação está sendo alvo de investigação pela Delegacia de Repressão a Ações Criminosas Organizadas (DRACO).

Sandra de Fátima da Silva Lopes, 45 anos, foi presa em flagrante. Ela era companheira de Alexandre e mãe de Luís Fernando. Um motorista de Uber, que levou o grupo até a chácara, foi arrolado como testemunha, sem que houvesse indícios de participação dele nos crimes.

Dois revólveres calibre 38 foram apreendidos. Eles tinham nove cartuchos deflagrados e três intactos. Com Sandra de Fátima ainda foram apreendidas munições. Quatro celulares também foram recolhidos.

Os indivíduos não teriam obedecido a uma ordem de abordagem dos policiais da COE e sacaram as armas, dando início ao confronto. Desde a semana passada, a BM e DRACO vinham monitorando esta quadrilha, e tinham a informação que eles estavam se escondendo em uma chácara no interior.


 


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.