Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Bispado 26/06/2019 | 15h24

Novo bispo de Caxias, Dom José Gislon quer ampliar diálogo com entidades e comunidade


Novo bispo de Caxias, Dom José Gislon quer ampliar diálogo com entidades e comunidade
Dom José Gislon, novo bispo de Caxias do Sul. Foto: Capuchinhos/Divulgação

A nomeação do novo responsável pela Igreja Católica Serra Gaúcha foi divulgada por volta das 07h desta quarta-feira (26), pelo Papa Francisco, no Vaticano. Dom José Gislon, atual bispo da Diocese de Erechim, foi escolhido para substituir Dom Alessandro Ruffinoni que ausenta-se do cargo devido ao limite da idade permitido. A função será assumida a partir do mês de setembro, pois ainda há atividades que o novo bispo deve cumprir antes de instalar-se definitivamente em Caxias do Sul.

Dom José Gislon estudou filosofia e teologia em cidades do Paraná, concluindo a licenciatura em História Eclesiástica em Roma. Fez sua profissão religiosa como Frade Menor Capuchinho em 17 de outubro de 1980, e recebeu sua ordenação sacerdotal em 28 de maio de 1988. Ele está desde 06 de junho de 2012 no comando da Diocese de Erechim, no norte do Estado.

Dom José já teve contato com a realidade de Caxias do Sul e das demais 30 cidades da Serra pelas quais vai ser responsável, por meio do trabalho realizado como conselheiro geral da Ordem Franciscana. Por isso, comenta que as características das populações de Erechim e Caxias do Sul são similares, em relação ao contexto histórico na caminhada de fé e no compromisso com o trabalho diário. Ainda ressalta que o intuito é aprofundar-se com a realidade vivida nas regiões e auxiliar o povo para caminhar na companhia de Cristo.

O novo nomeado ressalta também que conhece e fica feliz com a interação da população com a Igreja Católica na região. Por isso, uma de suas metas é criar diálogos com os poderes municipais e os empresários, para que juntos consigam superar a crise nacional e atender as demandas da população, assim como fez Jesus em sua passagem pela terra.

Dom José Gislon explica que ficou surpreso com o pedido de assumir a Diocese de Caxias, devido ao seu curto tempo em Erechim, mas que está disposto a trabalhar pela Igreja aonde for solicitado. Ele comenta ainda que pretende ser um pai aos padres e seminaristas que o procurarem, além de um pastor para os leigos, sendo assim uma referência dos ensinamentos de Deus a quem precisa.

A posse do novo bispo será no dia 08 de setembro, às 15h30, na Catedral Diocesana de Caxias do Sul.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.