Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Indenização 09/10/2019 | 09h41

Município torce para que caso Magnabosco seja julgado nesta quarta-feira


Município torce para que caso Magnabosco seja julgado nesta quarta-feira
Foto: Vania Marta Espeiorin / Divulgação

O caso Magnabosco pode ser julgado nesta quarta-feira (09), se não for novamente adiado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que pautou o processo para a sessão. O prefeito Daniel Guerra (Republicanos), o chefe de Gabinete, Chico Guerra, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Emílio Andreazza, e o procurador Rafael Hansel de Moraes vão acompanhar o juízo. O Executivo caxiense espera que a ação tenha uma conclusão, destacando que a demora na decisão também é prejudicial à cidade.

A titular da Procuradoria-Geral do Município (PGM), Cássia Kuhn, considera que não deve ser necessário mais tempo para a avaliação do caso após a determinação de quatro adiamentos. Sendo assim, expõe a expectativa de que o julgamento tenha andamento e termine já nesta quarta-feira. Ela destaca que ao Prefeitura espera que a decisão seja favorável ao Poder Público, e que a PGM vai buscar formular estratégias de ação ante a uma conclusão adversa.

O julgamento do caso conta com dois votos favoráveis à causa da família Magnabosco. A mesma busca uma indenização pela ocupação do espaço onde atualmente está o bairro 1° de Maio. O terreno havia sido doado pela família para a construção da Universidade de Caxias do Sul, que acabou sediada no bairro Petrópolis. Para o término da análise do processo, outros quatro ministros do STJ ainda precisam votar.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.