Rádio Caxias

Notícias



ESTADO

Economia 16/10/2021 | 10h42

Indústria puxa criação de empregos formais no Estado em 2021


Indústria puxa criação de empregos formais no Estado em 2021
Foto: Divulgação

Nos oito primeiros meses de 2021, o Rio Grande do Sul registrou a geração de 118,8 mil empregos formais. O número representa uma alta de 4,7% sobre o total. Nesse período, a Indústria foi a líder na criação de vagas, responsável por 38,8% dos novos postos, com destaque para os segmentos de máquinas e equipamentos e o coureiro-calçadista. O ranking é seguido do setor de Serviços, 37,6% do total, Comércio, 16,8%, Construção, 4,7%, e Agropecuária, 2,1%.

No período de 12 meses, entre setembro de 2020 e agosto de 2021, o Rio Grande do Sul registrou a geração de 188,1 mil empregos formais, alta de 7,65%, enquanto na comparação de agosto com julho o saldo foi positivo em 11,8 mil vínculos formais. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o Rio Grande do Sul tinha em agosto um estoque de 2,65 milhões de empregos formais.

Os dados estão no Boletim de Trabalho, publicação do Departamento de Economia e Estatística (DEE), e foram divulgados na última semana. O pesquisador Guilherme Xavier Sobrinho destacou que, das vagas geradas em 12 meses, houve um equilíbrio na distribuição entre homens e mulheres, com destaque para os jovens.

A taxa de informalidade chegou a 31,7% no segundo trimestre, percentual abaixo do registrado no Brasil. A taxa de desemprego no Rio Grande do Sul permaneceu estável no segundo trimestre de 2021, tanto na comparação com o trimestre anterior como em relação ao mesmo período de 2020.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.