Rádio Caxias

Notícias



ESTADO

Empregabilidade 05/04/2021 | 14h24

Impacto de medidas restritivas deve repercutir no número dos empregos de março


Impacto de medidas restritivas deve repercutir no número dos empregos de março
Foto: Divulgação

Estudo realizado em fevereiro pelo Observatório do Trabalho da Universidade de Caxias do Sul aponta que aquele mês foi marcado pela geração de empregos. Mas, ainda abaixo do necessário para compensar a perda de postos de trabalho, fato registrado desde o início da pandemia, em 2020. 

Foram registrados em fevereiro pouco mais 401 mil novos empregos formais em todo o  Brasil.  Inclusive, o resultado está bem acima do esperado, cuja expectativa era de 255 mil vagas. Segundo a coordenadora do Observatório do Trabalho, professora Lodonha Maria Portela Coimbra Soares, apesar do resultado positivo — muito em razão do cumprimento dos acordos trabalhistas fixados pelo Governo, a fim de evitar demissões — eles precisam ser analisados com parcimônia. 

Isso tendo em vista que, as medidas mais rígidas de isolamento social, que provocou o fechamento dos setores não essenciais em março, possivelmente interferiram na criação de novos empregos. E podem desacelerar a criação de outros nos próximos meses, bem como, no desempenho dos serviços e do comércio. 
A professora Lodonha ainda lembra que houve uma recuperação dos postos de trabalho, a partir de julho do ano passado. Contudo, o índice de desemprego ainda é grande. 

A pesquisa também revelou que Caxias do Sul foi a cidade que mais abriu vagas de trabalho na Serra, durante o mês de fevereiro, foram aproximadamente 2 mil. Seguida por Farroupilha, Carlos Barbosa, Bento Gonçalves e Garibaldi. 

E que a indústria foi o setor que mais puxou a abertura de novas vagas de emprego, isso em 11 das 14 cidades estudadas. 

 

Confira a pesquisa na íntegra:

Acesse o documento completo: https://www.ucs.br/site/midia/arquivos/carta-fevereiro-2021.pdf 

 


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.