Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Desempenho 19/10/2021 | 17h27

Empresários querem mensurar vazamento gerado pelas compras na internet na economia de Caxias


Empresários querem mensurar vazamento gerado pelas compras na internet na economia de Caxias
Foto: Bigstock

Quanto a economia de Caxias do Sul perde para a internet? Este questionamento encerrou a última coletiva de divulgação do desempenho econômico apurado pela Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul. Na ocasião, a pauta foi levantada pelo presidente da CIC, Ivanir Gasparin. De fato, esta é uma questão que ganha em importância nos estudos do comércio e também da administração pública. O local de registro das notas fiscais é que define a destinação dos impostos cobrados sobre o produto vendido.  Aliás, é sensível o crescimento das compras ocorridas pela rede durante a pandemia.

Entretanto, há grande dificuldade em acompanhar o volume destas transações. É o que destaca o assessor de Economia e Estatística da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL). Mosár Leandro Ness compara este tipo de consumo a um vazamento na economia caxiense.

A diretora de Economia, Finanças e Estatística da CIC, Maria Carolina Gullo, concorda com o termo empregado pelo colega economista. Ela acrescenta que o dinheiro utilizado no comércio eletrônico deixa de ser destinado a cidade e contabilizado pelos indicadores do Município. Além disso, a professora explica que há um efeito de transferência de valores para outros locais.

Assim, a pesquisadora analisa que dados negativos do varejo da cidade podem ocorrer mesmo com um bom índice de consumo. As compras  podem estar em relevante parcela pela internet, onde o registro das transações se descola dos levantamentos.

As vendas online teriam crescido mais de 68% em 2020 na relação com o ano anterior. A informação foi divulgada pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm). Ainda assim, a CDL Caxias apontou que 88% dos consumidores do Município teriam preferência às compras físicas para o Dia das Crianças.

De qualquer forma, Mosár Leandro Ness sugeriu campanha para defender a fidelidade aos estabelecimentos locais. Para o economista, o segmento varejista de Caxias é variado e competitivo. Por outro lado, Maria Carolina Gullo destacou que o comércio eletrônico ganha campo especialmente pela comodidade.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.