Rádio Caxias

Notícias



BRASIL

Impacto 17/06/2019 | 19h50

Economista avalia reação do mercado à troca do presidente do BNDES


Economista avalia reação do mercado à troca do presidente do BNDES
Foto: Pixabay / Divulgação

Os efeitos do pedido de demissão de Joaquim Levy da presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), encaminhado neste domingo (16), foram avaliados pela Rádio Caxias com o economista Gustavo Bertotti. A solicitação de desligamento ocorreu após o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), criticar a nomeação de Marcos Barbosa Pinto, que trabalhou em uma diretoria do banco de fomento, no governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Bolsonaro ameaçou demitir Levy por causa da indicação. O economista conta que a situação de Levy se tornou insustentável depois da declaração do chefe do Executivo.

Apesar disso, Gustavo Bertotti acredita que o impacto da notícia no mercado financeiro ainda é pequeno, com o principal índice da Bolsa de Valores do Estado de São Paulo operando estagnado, por exemplo, embora naturalmente isso cause um pouco de incerteza para os investidores.

Bertotti avalia positivamente os nomes mais cotados para substituir Levy, como Gustavo Franco, ex-presidente do Banco Central, que assumiu a presidência do conselho do BNDES neste ano, e Salim Mattar, secretário do Ministério da Economia. Para ele, essas possibilidades estão alinhadas com as do ministro Paulo Guedes.

O economista também avalia que a interferência política de Jair Bolsonaro na economia é um problema, pois as manifestações do presidente têm deixado o mercado ainda mais volátil.

Bertotti comenta que espera do segundo semestre um período mais agitado, devido à Reforma da Previdência. Ele ressalta que o mercado segue de olho no cenário externo, com a barreira comercial existente entre Estados Unidos e China, que impactam o Brasil. Sobretudo, o especialista detalha que o que mais chamou a atenção nesta segunda-feira (17) foi a divulgação do boletim Focus, indicando uma expectativa menor de aumento do PIB.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.