Rádio Caxias

Notícias



NOTÍCIAS

06/01/2022 | 13h38

Caxias do Sul planeja 2022 com foco em inovações digitais e menos burocracia para a população

Caxias do Sul planeja 2022 com foco em inovações digitais e menos burocracia para a população

Fonte: Unsplash

As últimas semanas de 2021 foram importantes para mostrar como será o futuro de Caxias do Sul. Além de sancionar uma nova lei que foca no investimento relacionado à tecnologia, a cidade também abriu portas para o uso de um software que vai digitalizar todos os processos administrativos. O objetivo principal é começar o próximo ano com mais recursos virtuais, e permitir que os cidadãos passem por menos burocracias em determinadas áreas. É um processo importante, e pode garantir resultados positivos no futuro.

Essa sanção da Lei da Inovação, aprovada pela Câmara de Vereadores no início de dezembro, foi realizada durante a apresentação do relatório de governo. Foi um sinal positivo para os próximos meses, pois a medida tem como foco o investimento em tudo que envolve novas tecnologias. A ideia é que setores de pesquisa científica, de produção, de capacitação e de serviços de base tecnológica cresçam na cidade, e que mais pessoas consigam incentivos na área. Com um Brasil cada vez mais digital, a nova lei é essencial para a economia da cidade.

Outra novidade importante, também confirmada nos últimos dias de 2021, foi a aplicação do sistema PROA — Processo Administrativo e-Gov. Esse software visa permitir a tramitação, de forma 100% eletrônica, de todos os processos administrativos de Caxias do Sul. Uma novidade que existe em outras regiões, como Porto Alegre, mas que deve ganhar mais espaço por aqui apenas nesses próximos meses. Isso deve amenizar muitos problemas burocráticos, além de trazer mais transparência para todos os processos que envolvem a população.

Essas duas novidades serviram quase como um presente de Natal para os moradores de Caxias, pois são passos para frente que devem trazer benefícios ao longo prazo. Investir em novas tecnologias deixou de ser uma novidade e se transformou em algo essencial. Os serviços digitais estão ganhando espaço em todas as áreas, e as cidades que não acompanharem vão ficar para trás. Basta ver o impacto positivo, por exemplo, que Belo Horizonte teve ao abrir espaço para startups na capital mineira.

Tecnologia em várias áreas

A inovação não escolhe apenas um ou outro setor para causar impacto. As mudanças acontecem de todos os lados, e isso é algo positivo. No entretenimento, os serviços digitais conseguiram se consolidar de maneira rápida, pois não faltam motivos para conquistar usuários. É o caso dos cassinos online, como mostra a lista de melhores plataformas do site VegasSlotsOnline. Essas casas de apostas virtuais possuem diferentes recursos interativos, como slots machines grátis temáticas e mesas de pôquer com transmissão em tempo real. Ou seja, um fã de apostas pode conseguir uma experiência dinâmica pela internet, algo que nem mesmo um cassino tradicional pode oferecer.

Fora do entretenimento, as novas tecnologias também fizeram sucesso no setor financeiro, principalmente por acabar com muitas burocracias. Alguns bancos digitais, como mostra o site Canaltech, conseguiram um forte crescimento. O Banco Inter, por exemplo, soma cerca de 15 milhões de clientes no Brasil inteiro, e se transformou em uma referência quando o assunto é internet no mercado financeiro. Isso também aconteceu com as corretoras de investimentos, como é o caso da gaúcha Warren Brasil.

Todos esses exemplos mostram como a tecnologia pode causar impacto em diferentes maneiras. Poderíamos citar também o e-commerce, o marketing digital e vários outros serviços que estão mostrando como o mundo online está ficando maior com o tempo. No Rio Grande do Sul, as principais faculdades focam justamente em pesquisas para essa área por saber que o futuro é ao lado dessas tecnologias inovadoras que estão mudando a vida dos cidadãos.

Entre as melhores economias

O foco de Caxias do Sul em novas tecnologias pode surpreender algumas pessoas, mas não quem mora na região. A cidade sempre foi uma das maiores economias do Rio Grande do Sul, e isso só acontece por conta de investimentos assim. Em 2019, por exemplo, o Produto Interno Bruto (PIB) da cidade ficou atrás apenas de Porto Alegre, com mais de R$ 20 milhões de receita anual. Isso mostra todo o potencial que existe, e como isso deve se manter pelos próximos anos.

Investir em tecnologia não é nada barato, pois essas inovações exigem muitos equipamentos e estruturas. Entretanto, esse é o caminho que o futuro do país está seguindo, e em Caxias não é diferente. Seja com a Lei da Inovação ou com a digitalização de processos, é impossível não ser otimista com o futuro da cidade no país.

 







Em breve
Nenhum jogo no momento.