Rádio Caxias

Notícias



CAXIAS DO SUL

Operação 24/08/2019 | 08h26

Ação da Receita Estadual contra sonegação aborda duas empresas da Serra


Ação da Receita Estadual contra sonegação aborda duas empresas da Serra
Foto: Divulgação/Sefaz/Receita Estadual

Duas empresas da Serra Gaúcha estão sob investigação da Receita Estadual pelo possível crime de sonegação do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Ainda nesta quinta-feira (22), equipes do fisco gaúcho fizeram uma batida em ambos os estabelecimentos, recolhendo documentos e materiais que podem auxiliar no inquérito. Cerca de R$ 32 milhões em movimentações que podem ter tido a tributação negligenciada estão sob a análise dos técnicos da Receita. A suspeita é de que os estabelecimentos pertencem a um mesmo proprietário. Ele teria tentado burlar o sistema do Simples Nacional para enquadrar as companhias no regime, que é voltado a micro e pequenos empreendimentos.

A ação de quinta foi tomada pela 3ª Delegacia da Receita Estadual. O titular da unidade de Caxias do Sul, Magno Friederich, comenta que a operação engloba uma série de atividades que estão sendo deflagradas na Região. Já seriam 30 intervenções em 2019. Ele explica que em casos semelhantes ao em investigação, há a utilização de laranjas que assinam como proprietários. Assim, os faturamentos são dissimulados e as taxas de imposto diminuem. O delegado ressalta que, a partir da identificação dos indícios, houve a fiscalização local para a coleta de provas.

Outro indício verificado no caso investigado é a venda de produtos sem nota fiscal ou com a prática de “meia nota”, quando se registra valor abaixo dos reais preços da transação. Em caso de confirmação do crime de sonegação, todos os envolvidos devem ser autuados. Os proprietários reais das empresas ainda seriam obrigados a pagar os valores que deixaram de ser tributados.


Departamento de Jornalismo


CONFIRA O ÁUDIO








Em breve
Nenhum jogo no momento.