Rádio Caxias

Notícias



JUVENTUDE

Data marcante 30/11/2019 | 17h47

25 anos depois, personagens de 1994 se reencontram no Alfredo Jaconi


25 anos depois, personagens de 1994 se reencontram no Alfredo Jaconi
Foto: Gabriel Tadiotto/E.C.Juventude

Não poderia ser diferente: a emoção tomou conta do reencontro dos atletas de 1994, realizado na manhã deste sábado (30/11). Campeões da Série B daquele ano se reuniram no estádio Alfredo Jaconi juntamente com diretores e funcionários da época. Mais do que relembrar histórias vencedoras, o evento proporcionou que personagens históricos do Verdão se unissem novamente 25 anos após a conquista.
 
Humberto, Isoton, Marcio Angonese, Itaqui, Odair Patriarca, Baggio, Paulo Marcelo, Paulo Sérgio, Edson, Dorival Júnior, Ortunho, Jardel, Lauro, Ericson e Sandro Blum começaram a chegar ao estacionamento do estádio por volta das 8h30min deste sábado. Às 10h, todos voltaram a pisar no gramado do Jaconi, onde foram recepcionados por torcedores que puderam conversar, tirar fotos e garantir o autógrafo histórico. Os dirigentes da época, em um ato que arrancou aplausos, carregaram o troféu da Série B de 94 e o entregaram nas mãos do então capitão Odair Patriarca, que repetiu o gesto de ergue o símbolo da conquista 25 anos depois.
 
Antes da despedida do estádio, todos receberam um troféu em alusão à conquista, um livro dos 100 anos do Juventude e uma camisa comemorativa semelhante à utilizada em 94, mas com o nome de todos que fizeram parte da caminhada vitoriosa.
 
Já na sede social da empresa Zeyana, que gentilmente cedeu sua estrutura para a continuidade do evento, os ex-atletas voltaram a ocupar seus espaços em campo. O 1 x 1 no placar foi carregado de boas memórias e da certeza de que, apesar dos 25 anos que se passaram, a qualidade com a bola nos pés segue a mesma. Ao final da partida e antes do almoço, todos se uniram em uma roda no centro do gramado.
 
“Hoje posso dizer com toda a certeza de que a conquista que obtivemos só foi possível porque formamos uma família em 1994. Unir tantos atletas, mesmo 25 anos depois, é uma prova de carinho e de companheirismo que um tem pelo outro, mesmo tanto tempo depois. Eu, particularmente, guardo todos que aqui estão, o clube e o título em um lugar especial no meu coração”, destacou Doirival Jr., hoje um dos mais consagrados técnicos do Brasil.
 
Lauro pediu a palavra e destacou a importância do encontro. “Este é um momento muito especial na vida de todos nós. Para mim, assim como para outros atletas, o Juventude proporcionou tudo e o crescimento do clube no cenário nacional começou com esta conquista. Talvez muitos aqui jamais se reencontrem novamente depois de hoje, especialmente porque cada um seguiu sua vida, em sua cidade, na sua profissão. Mas que todos estejam sempre no pensamento um do outro, enviando boas energias e o desejo de que tudo de melhor aconteça na vida do outro”.
 
Odair Patriarca também pediu a palavra. “É espetacular que estejamos aqui, juntos, na data de hoje. São 25 anos de muitas lembranças e da certeza de que deixamos um legado muito importante para o clube. Obrigado pela presença de todos, pelo esforço que fizeram para estarem aqui e que jamais nos esqueçamos da família que criamos aqui dentro”, destacou.
 
Isoton, um dos organizadores do reencontro, não segurou a emoção. “Para nós, que somos cria do Juventude, que começamos na base do clube, este momento é ainda mais especial. Vocês, os que chegaram em 1994 vindos de outros clubes, muitos da Série A, talvez não saibam da importância que tiveram em nossas vidas. Nosso crescimento pessoal e profissional teve uma influência fundamental a partir da parceria que criamos dentro do vestiário, e isso vou levar para minha vida inteira”, relembrou.
 
Para fechar, Walter Dal Zotto Jr., atual presidente do clube, pediu a palavra para agradecer aos presentes. “Mais do que qualquer coisa, é preciso agradecer a todos. Agradecer aos jogadores da época, aos dirigentes, aos funcionários, aos membros da comissão. Agradecer pela conquista, pelo empenho, por tudo que fez o Juventude atingir um outro patamar dentro do cenário nacional. Foi a partir da conquista de 94 que passamos a ser, definitivamente, um dos grandes clubes do futebol do Brasil. Então, a data de hoje marca um momento especial para o clube e uma oportunidade importante para que possamos agradecer a todos por aquilo que fizeram para o clube”, finalizou.
 
O churrasco servido por volta das 13h abriu caminho para uma tarde repleta de muita conversa, boas histórias e reencontros históricos.
 
O Esporte Clube Juventude agradece e parabeniza os organizadores do evento, salientando que o clube sempre estará com as portas inteiramente abertas para aqueles que deixaram seus nomes marcados na história alviverde.
 


Assessoria E.C Juventude






Em breve
Nenhum jogo no momento.